Facebook-icon  Twitter-icon

 

Durante a manhã também ocorreu o painel: Rumos da Seguridade Social na América Latina, com palestra de Juan Carlos Feres (CEPAL), debate de  Jorge Abrahão (IPEA) e Eduardo Fagnani (UNICAMP), sob a coordenação de  Adail de Almeida Rollo (DESID/MS). Feres falou sobre  um novo enfoque para proteção social, e a implementação do Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe  Cepal, delineamentos das politicas para proteção da saúde e das experiências da reforma social do Chile.

 

economia saude 1economia saude 2

Desenvolvimento, Crise Financeira e Direita Sociais no Brasil, foram os temas do segundo painel do dia que teve coordenação de Sebastião Loureiro (UFBA) palestra de José Carlos Braga (UNICAMP) e debate de Rosa Maria Marques (PUCSP) e José Roberto Afonso (BNDES/Senado).

“Ao invés de discuti a economia da saúde deva se discuti a saúde da economia. Todo momento de crise é um momento de quebrar de paradigmas e de reflexões, e nós estamos precisando ter mais reflexões, é uma pena que a gente tenha poucos debates desse tipo no Brasil” iniciou José Roberto debatendo sobre o tema proposto no painel. Logo após o termino das apresentações do palestrante e dos debatedores, foi aberto um espaço de perguntas feitas pelos participantes.

Ainda durante a tarde continuaram as exibições de pôsteres e as sessões ordinárias, com os temas: ” Inovação em saúde: uma perspectiva territorial” apresentado por Laís Silveira Costa, “Inovação na indústria química e biotecnológica em saúde: em busca de uma agenda virtuosa” por Marco Vargas ,” Hepatite C crônica: custo dos antivirais versus custo de acompanhamento do paciente de acordo com a perspectiva do Sistema Único de Saúde” por Carine Raquel Blatt, “Etanercepte para o tratamento da espondilite anquilosante: revisão sistemática e metanálise” por Marina Amaral de Ávila Machado, “Análise do tempo de internação de pacientes de hospitais públicos municipais de São Paulo” apresentado por Alexandra Bulgarelli do Nascimento e “Equidade na utilização de serviços preventivos femininos no Brasil: um estudo comparativo entre as regiões no ano de 2008” por Michelle Nepomuceno Souza.

 

economia saude 3

 

 

Já a noite contou com o lançamento de livros e a Assembleia da Associação Brasileira de Economia da Saúde – ABRES, que contou com o debate efusivo e enriquecedor entre os participantes.

 
observarh2
 
obteia
 
 
 
 
saudelgbt2
  
oiapss2

Notícias